CHUVA ARTIFICIAL

3
356

ALÔ PESSOAL! Tem idéia de como fazer chuva artificial?
Não é novidade, claro! Nos EUA a tecnica de provocar chuvas teve início na década de 1930.
As tecnicas utilizadas consistem no bombardeio de produtos químicos na nuvens como iodeto de prata ( AgI ) e cloreto de sódio ( NaCl – o bom sal de cozinha) – o quer proibido em alguns países.
Mas uma empresa brasileira inovou e faz uso de água potável.
Como assim?????????? Joga água na nuvem para chover….. água?
A aeronave sobrevoa as nuvens e lança gotículas de água de diâmetro controlado, maiores que as gotas existentes nas nuvens: são as gotas coletoras.Dentro da nuvem ao entrar em contato com as outras gotas, essas gotas coletoras imitam o processo natural de crescimento vertical da nuvem, pela evaporação. A partir desse ponto a nuvem se condensa, passando do estado gasoso para o líquido e começa a chover!!!!!!( texto adaptado do Estado de São Paulo-imagem:www.videosite.com )
XQUIMICA PERGUNTA:
SÓ ME ESCLAREÇAM PORQUE ISSO NÃO É FEITO NO NORDESTE, QUANDO HÁ NUVENS, CLARO!
Agora leia o texto abaixo e pense!

Pesquisador do ITA garante que cada litro de água potável injetado numa nuvem pré-selecionada, em qualquer lugar do mundo, pode produzir até 500 mil litros de chuva

As chuvas artificiais podem resolver o problema da seca do Nordeste brasileiro e ser uma alternativa viável ao polêmico projeto de transposição das águas do Rio São Francisco. Quem garante é o engenheiro mecânico Takeshi Imai, pesquisador-visitante do Instituto de Tecnologia Aeronáutica (ITA) de São Paulo. Imai é criador do projeto de Modificação Consciente do Clima e Ambiente (Mod Clima), concluído em 2001.
A pesquisa foi premiada com a medalha de ouro da Ciência e Tecnologia em julho, na França, mas ainda é vista com reserva por muitos brasileiros. O assunto é pesquisado em várias partes do mundo desde a década de 1950. Apesar de algumas experiências bem-sucedidas, como a que utiliza iodeto de prata em nuvens supergeladas, acreditava-se que esse era um tipo de prática restrita e com resultados questionáveis no que se refere a preço e conseqüências para o ambiente e os seres humanos.
Ao contrário dos processos anteriores, que além do iodeto de prata utilizaram cloreto de sódio, Imai usa água potável diretamente em nuvens pré-selecionadas por um radar meteorológico de sensibilidade superior à dos convencionais. A técnica imita um procedimento adotado pela própria natureza, que se vale das chamadas “gotas coletoras” para unir gotículas dispersas dentro da nuvem e, desse modo, provocar a chuva.
Uma vez detectada a nuvem com condições ideais, os pesquisadores enviam um avião, que injeta água em quantidade controlada. Cada litro de água aplicado gera 500 mil litros de chuva, o equivalente a 250 caminhões-pipa. O resultado aparece num prazo que varia de 15 a 20 minutos.
A seca deve ser bem interessante( financeiramente) para alguns ….

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here