LEIS PONDERAIS – LEI DE DALTON

0
164

NA POSTAGEM ANTERIOR VIMOS AS LEIS DE LAVOISIER E PROUST. DANDO CONTINUIDADE, VAMOS ENTENDER A LEI DE DALTON E EXERCÍCIOS PARA TIRAR TODAS AS DÚVIDAS!

RESUMO DAS LEIS ANTERIORES:

– As leis ponderais são afirmações sobre o comportamento das massas, obtidas através de experimentos com reações químicas. Lavoisier, Proust e Dalton foram cientistas que elaboraram cada uma das 3 leis, observando a razão e a proporção das massas. 

LEI DE LAVOISIER:

A soma das massas dos reagentes antes da reação era igual à soma das massas dos produtos após a reação. MAS ISSO SÓ É VÁLIDO SE O SISTEMA FOR FECHADO.

LEI DE PROUST:

“Toda substância possui uma proporção constante, em massa, na sua composição, e a proporção na qual reagem e se formam é constante.” (Joseph Louis Proust)

tabela-exemplo-da-questão-de-leis-ponderais-lei-de-proust
imagem: Beduka.com

Observe essas três reações:

Quando relacionamos dividimos as massas dos reagentes em cada experimento, precisamos dividi-las para encontrar a razão.  

  • Primeiro: 2 / 71
  • Segundo: 4 / 142, simplificando a fração por 2, temos 2 /71
  • Terceiro: 6 / 213, simplificando a fração por 3, temos 2 /71

A proporção entre os reagentes será sempre a mesma, o que possibilita, calcular com antecedência, quanto das duas substâncias serão necessárias para a produção do ácido clorídrico.

-LEI DE DALTON

John Dalton foi um químico e físico inglês responsável por uma das TEORIAS ATÔMICAS . Na química, ele observou que uma mesma quantidade de massa de A, combinada com diferentes quantidades de massas de B, pode formar produtos distintos. Ainda assim, a razão das massas de B, que variam, resulta em números inteiros e pequenos.

Ou seja, quando se mantém constante a quantidade de uma substância e varia a outra, são formados produtos diferentes, mas que seguem as leis anteriores.

EXERCÍCIOS :

(UFMG) Considere as seguintes reações químicas, que ocorrem em recipientes abertos, colocados sobre uma balança:

I – Reação de bicarbonato de sódio com vinagre, em um copo.
II – Queima de álcool, em um vidro de relógio.
III – Enferrujamento de um prego de ferro, colocado sobre um vidro de relógio.
IV – Dissolução de um comprimido efervescente, em um copo com água.

Em todos os exemplos, durante a reação química, a balança indicará uma diminuição da massa contida no recipiente, exceto em:

a) III

b) IV

c) I

d) II

RESPOSTA: Todas as reações forma feitas em sistema aberto, logo a massa final será menor que a massa inicial, porque elementos voláteis vão se misturar com o ar. Mas no caso do prego enferrujando, haverá formação de óxido de ferro, o que aumentará a massa final.

2-Ao se passar uma corrente contínua na água (eletrólise), ela é decomposta em seus constituintes: hidrogênio e oxigênio. Os dados experimentais mostram que as massas dessas duas substâncias sempre estarão na mesma proporção de 1:8, seguindo a Lei Ponderal de Proust. Essas reações também seguem a lei de Lavoisier, isto é, a massa no sistema permanece constante.

Com base nessas leis, indique a alternativa que traz os respectivos valores das massas (em gramas) que substituiriam corretamente as letras A, B, C e D nesses experimentos:

imagem: brasilescola.uol.com.br
  1. 4,5/ 1,0/ 16,0/ 99,99.
  2. 3,5/ 0,1/ 20,0/ 8,0.
  3.  5,0/ 17,0/ 28,0/ 8,8.
  4. 6,0/2,0/ 16,0/ 8,0.
  5. 4,5 1,0/ 20,0/8,8.

RESPOSTA: Sabendo que a proporção é 1/8 podemos aplicar e resolver. Mas fazendo pela Lei de Lavoisier, fica mais rápido: A = 4,0 + 0,5= 4,5g ; 8,0+ B = 9,0g, logo B= 1,0 g ; 2,0 + C = 18g , logo, C = 16g ; D= 11,11 = 88,88 = 99,99g

3 – (Fuvest-SP)

Os pratos A e B de uma balança foram equilibrados com um pedaço de papel em cada prato e efetuou-se a combustão apenas do material contido no prato A. Esse procedimento foi repetido com palha de aço em lugar de papel. Após cada combustão, observou-se:

Exercícios 3 sobre Leis Ponderais

  Com papel           Com palha de aço

a)      A e B no mesmo nível.             A e B no mesmo nível.

b)     A abaixo de B.                          A abaixo de B.

c)      A acima de B.                          A acima de B

d)     A acima de B.                           A abaixo de B.

e)      A abaixo de B.                          A e B no mesmo nível.

RESPOSTA: na queima do papel, há formação de cinzas, vapor de água e gás carbônico( esses dois vão para o ar atmosférico) Então, a massa final é MENOR que a massa inicial. Na queima da palha de aço, há formação de óxidos de ferro, o que fará com que a massa final seja MAIOR que a massa inicial.

4-  (Fuvest-SP)

Quando 96 g de ozônio se transformam completamente, a massa de oxigênio comum produzida é igual a:

a) 32 g.

b) 48 g.

c) 64 g.

d) 80 g.

e) 96 g.

RESPOSTA: OLHA A PEGADINHA AÍ!! Pela lei de Lavoisier, se foram usados 96g de ozônio, serão produzidos 96g de oxigênio.

pesquisa: Beduka.com ; mundoeducacao.uol.com.br; brasilescola.uol.com.br ; descomplica.com.br; cursoenemgratuito.com.br

Na natureza nada se perde, nada se cria, tudo se transforma

Antoine Lavoisier

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here