OS ELEMENTOS QUÍMICOS DAS MOEDAS BRASILEIRAS

0
140

ALÔ PESSOAL!!!
Hoje estive em uma exposição chamada ” Música, Matemática & Dinheiro” na BM&FBOVESPA,
Coleção Spinola- Nomus Brasiliana, que possui raridades como as moedas da época de Cristo.
Aí ficou a pergunta: hoje usamos moedas, guardamos, escondemos, colocamos em qualquer lugar, mas a verdade é que é dinheiro e na sua composição leva metais nobres.

                
COMPONENTES QUÍMICOS DAS MOEDAS BRASILEIRAS
As moedas são usadas no cotidiano de todos os
brasileiros. Mas, você já se perguntou do que elas são feitas???

Veja agora a composição de cada moeda em
particular:

Moeda de 1 centavo: composta por Aço e revestida com
Cobre (Cu). Aço é uma liga de Ferro e carbono. (Hoje, a moeda está fora de
circulação).

Moeda de 5 centavos: Em
circulação desde 1998, as atuais moedas de 5 centavos são feitas  de aço
revestido com cobre..

– Moeda de 10 centavos: As
prateadas são feita de aço inoxidável (C + Fe + Ni). As amareladas é feita de
aço revestido de Bronze (Cu +Sn). A moeda amarelada é similar a de 25 centavos.

 

– Moeda de 25 centavos: As
prateadas são feita de aço inoxidável (C + Fe + Ni). As amareladas é feita de
aço revestido de Bronze (Cu +Sn)

 

 

– Moeda de 50 centavos:
Inicialmente, a moeda era feita de cuproníquel. Mas, devido o aumento
significativo no preço dos materiais utilizados na fabricação, o cuproníquel
(liga de cobre e níquel) foi substituído por aço inoxidável, material utilizado
nas moedas cunhadas a partir de 2002. Hoje a moeda é feita de aço inoxidável (C
+ Fe+Ni)

  

– Moeda de 1 real: a composição
desta moeda é única, ela possui um disco interno formado por uma liga de Cobre
e Níquel e um disco externo composto por alpaca.  Alpaca é uma liga metálica de Cobre, Níquel,
Estanho e Prata: Cu + Ni + Sn + Ag.


imagens: https://esquadraodoconhecimento.wordpress.com

Só por estas composições já se explica porque as
moedas são mais resistentes do que as cédulas. As notas são feitas com papel
especial e as moedas, como se viu, são compostas por metais e ligas metálicas,
ou seja, as notas ficam velhas e se rasgam com facilidade e as moedas passam
apenas por um escurecimento (oxidação).

Fonte: Banco Central do Brasil

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here