PREOCUPAÇÕES DE GELADEIRAS

0
480

OLÁ PESSOAL!!!!!!!!
Com esse calorão é natural que tudo vá para a geladeira.Mas até quanto ela suporta?
E como colocar os alimentos dentro dela?
É lógico que ela aumenta a vida útil dos alimentos, mas não faz milagres, como conservar eternamente… aliás nem o freezer faz isso!
A contaminação de alimentos é um dos principais problemas de saúde. Os alimentos podem ser contaminados por vírus, bactérias, fungos, parasitos e outros que violentam a saúde humana. Os alimentos são perecíveis, ou seja, possuem um prazo de validade que deve ser obedecido, pois após esse prazo o mesmo se torna impróprio para o consumo por várias questões como, por exemplo, o conservante passa a não ter mais ação e os microrganismos podem se multiplicar provocando infecções e toxinoses.
Um meio de conservação e controle de contaminação de alimentos é a geladeira. Esta merece alguns cuidados e atenção, pois a geladeira também tem “tempo de vida útil”.
Para um adequado e seguro armazenamento, deve-se ficar atento à temperatura da geladeira se realmente esta havendo um controle térmico adequado, para isso se faz necessário um técnico especializado.
Levando-se em consideração que a refrigeração na geladeira acontece através da circulação de ar, algumas áreas são mais frias que outras (frio de cima para baixo), portanto, deve-se cuidar para que os alimentos estejam armazenados nos locais corretos. Alimentos vegetais crus na parte inferior da geladeira, frutas e laticínios na parte intermediária e carnes e alimentos prontos nas prateleiras superiores da geladeira. Para o armazenamento de alimentos, deve-se fazer uso de utensílios específicos. Não se deve utilizar panelas, sacos de supermercados ou de feira.Também não se recomenda utilizar toalhinhas de plástico como apoio nas prateleiras das geladeiras, pois estes atrapalham a circulação de ar, podendo dificultar a refrigeração dos alimentos. Embalagens a serem colocadas na geladeira (como garrafas, latas, etc) devem ser pré-higienizadas, lavadas ou limpas com um pano úmido.Os alimentos crus devem ser higienizados (com água sanitária / hipoclorito) somente na hora do consumo.
Ovos devem ser posicionados dentro da geladeira, na porta ou nas prateleiras, pois uma vez na geladeira, estes permanecem refrigerados, porém, não devem permanecer mais do que 14 dias (quando fora da geladeira, não mais do que 7dias).
Na preparação de alimentos, deve-se evitar sobras, pois estas se não utilizadas de maneira correta, são grandes veículos de contaminação.
As sobras devem ser armazenadas em utensílios baixos, com tampa e levados a geladeira. Quando muito quente, pode-se esperar baixar a quentura em temperatura ambiente e ai sim leva-la a geladeira.
Cada pessoa tem uma aceitação diferente para alimentos. Nem sempre o que acontece são surtos alimentares, muitas vezes ocorrem às chamadas: DSE (Doença por Sensibilidade Específica), onde um indivíduo pode sofrer sintomas, (como a diarréia) e outros indivíduos que se alimentaram do mesmo alimento, não. São fatores pessoais, hormonais e fisiológicos de cada indivíduo, sendo que crianças e idosos são mais sensíveis a estes acontecimentos.
Lembre-se, Preocupe-se sempre com a Higiene e nunca se esqueça de lavar bem as mãos.
( fonte:http://blog.cancaonova.com)

Lembrete de enchentes: muito cuidado com as águas contaminadas. Andar por elas é perigoso.A urina dos ratos contaminada pode levar à leptospirose.
E onde entra a química da geladeira e do ratinho???
Vejam a próxima edição!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here